Tue, 07 de Dec de 2021

Suo sequestrado e morto a tiros por causa de suposta dvida de R$ 12 mil em Goiansia

Aristo Deliyannidis, de 59 anos, foi morto com trs tiros queima-roupa. PM disse que equipe estava prxima ao local, ouviu os disparos e conseguiu prender suspeito em flagrante, que confessou.

24/10/2021 12h30
G1-Gois
Foto: Reproduo

O suíço Aristo Deliyannidis, de 59 anos, foi sequestrado e morto a tiros por causa de uma suposta dívida de R$ 12 mil, conforme informou a Polícia Militar, em Goianésia, no centro de Goiás. Uma equipe do Batalhão Rural da PM estava realizando um cadastro de uma propriedade rural próximo ao local do crime, quando ouviu os disparos e conseguiu prender o suspeito de 27 anos em flagrante.

Como o nome do suspeito não foi divulgado, o g1 não conseguiu localizar a defesa dele para que se posicionasse até a última atualização da reportagem. À polícia, ele confessou o crime e alegou que a vítima devia um carro a ele.

O caso aconteceu na última sexta-feira (22). De acordo com a ocorrência policial, ao qual o g1 teve acesso, o suíço, que morava na cidade, foi atingindo com três disparos à queima-roupa na cabeça, chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

O suspeito disse à corporação que tinha saído da cidade de Anápolis de ônibus e que, ao chegar na rodoviária de Goianésia, pegou um moto-táxi e foi até a casa da vítima. Ele contou também que rendeu o suíço mostrando-lhe a arma e o obrigou a entrar em seu próprio carro, alegando que o levaria a Anápolis para cobrar a dívida.

Vítima tentou fugir

Ainda conforme a ocorrência policial, o suspeito disse que, enquanto dirigia por uma estrada vicinal, para fugir da barreira policial da rodovia, a vítima conseguiu puxar o freio de mão, fazendo com que o carro rodasse e batesse em um barranco. Em seguida, a vítima teria tentado fugir.

No entanto, o suspeito confessou que, neste momento, efetuou três disparos contra o suíço, que ainda estava dentro do carro. Após isso, ele tentou fugir, mas acabou sendo preso pela PM.

De acordo com a polícia, os agentes o encontrou correndo em meio ao mato e, ao avistar os policiais, o suspeito apontou a arma e a corporação efetuou alguns disparos contra ele. Após isso, o suspeito se entregou, jogou sua arma e confessou que havia assassinado um homem. Ele foi detido e encaminhado à delegacia.


Mais Acessadas da Semana
Mais Acessadas
TOP 10
Confira as 10 mais tocadas dessa semana
udios
Jornal do Meio Dia - 06.12.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 03.12.2021
Em Gois, prazo de vacinao contra febre aftosa e raiva herbvora prorrogado at 11 de dezembro
Jornal do Meio Dia - 03.12.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 02.12.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 01.12.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 30.11.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 29.11.2021
Prefeitura de Mineiros entrega escrituras de casas pelo programa Morar Legal
Jornal do Meio Dia - 29.11.2021
Sintego de Mineiros elege nova chapa para mandato de 4 anos
Jornal do Meio Dia - 29.11.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 26.11.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 25.11.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 24.11.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 23.11.2021
Continua aberto o perodo de matrcula da rede estadual de ensino em Gois
Jornal do Meio Dia - 23.11.2021
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 22.11.2021
Alexandre Garcia
Anterior Proximo