Mon, 20 de May de 2019

Senado aprova projeto que permite que aposentados e pensionistas tenham 50% de desconto em medicamentos

Projeto foi aprovado nesta quarta (10) na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), e agora segue para a Câmara dos Deputados

11/04/2019 08h02
Agência Rádio Mais

Os senadores aprovaram nesta quarta-feira (10) um projeto de lei (PLS 235/2018) que dá desconto de 50% a aposentados e pensionistas na compra de medicamentos. A regra valeria para os cidadãos que ganham até o teto estabelecido pelo Regime Geral da Previdência Social (RGPS), que é de R$ 5.839,45. O projeto, que foi aprovado na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), segue agora para a Câmara dos Deputados.

Desde 2004, o programa Farmácia Popular já garante à população de todo o país medicamentos de graça ou com descontos de até 90%. Os remédios para hipertensão, diabetes e asma são fornecidos gratuitamente. Já os anticoncepcionais, fraldas geriátricas e remédios para o colesterol são subsidiados pelo governo. O programa, que está presente em mais de 80% dos municípios, beneficia cerca de 43 milhões de pessoas.

Segundo o senador Paulo Paim (PT-RS), o projeto surgiu de uma demanda de aposentados e pensionistas do Rio Grande do Sul, que se somaram a outros, em nível nacional. Para o autor da proposta, uma lei como essa é de extrema importância, já que os gastos dos aposentados com medicamentos são muito altos.

“É fundamental. Porque hoje, é inegável na verdade, neste país, que 80% dos aposentados ganham até dois salários mínimos, consequentemente, os salários deles acaba indo praticamente em remédios, alimentos e pagando aluguel. É uma forma deles terem condição de comprar os remédios que são vitais para a vida deles por um preço um pouco mais acessível”, ressalta.

De acordo com a relatora, senadora Mailza Gomes (PP-AC), a medida é justa e necessária e vai trazer melhor qualidade de vida para essa parcela da população.

“Visa a melhoria, a qualidade de vida para o aposentado, né? Que já ganha tão pouco, um salário mínimo, e ainda precisa manter a sua medicação que está custando aí metade do seu salário”, disse.

Se o projeto de Lei do Senado for aprovado pelos deputados, a legislação passa a valer 180 dias após sua publicação no Diário Oficial da União.

A versão impressa do Jornal Verde Vale é veiculada às sextas-feiras. Para quem não conseguiu garantir a leitura no fim de semana ou deseja indicar o conteúdo a outras pessoas, é disponibilizada a versão on-line, sempre na terça-feira seguinte a publicação.

Anterior Proximo
Mais Acessadas da Semana
Mais Acessadas
Enquete
Ver Resultado
áudios
Jornal do Meio Dia - 17.05.2019
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 17.05.2019
17º Costelão do Rotary será realizado neste domingo em Mineiros
Jornal do Meio Dia - 17.05.2019
Deputado federal José Mário Schreiner participa de palestra no fim do mês em Mineiros
Jornal do Meio Dia - 16.05.2019
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 16.05.2019
5º Arraial da Família Geração Saúde será realizado no próximo dia 1º em Mineiros
Jornal do Meio Dia - 16.05.2019
Caminhada em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantil será realizada em Mineiros
Jornal do Meio Dia - 15.05.2019
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 15.05.2019
Prazo de candidatura para a eleição de conselheiros tutelares de Mineiros seguem até o próximo dia 24
Jornal do Meio Dia - 15.05.2019
Palestra sobre boas práticas de manipulação de alimentos será realizada nesta sexta-feira em Mineiros
Jornal do Meio Dia - 14.05.2019
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 14.05.2019
Festa do Carreiro acontece nesse fim de semana em Portelândia
Jornal do Meio Dia - 14.05.2019
Devido à paralisação nacional, escolas estaduais de Mineiros não terão aula amanhã
Jornal do Meio Dia - 13.05.2019
Alexandre Garcia
Jornal do Meio Dia - 13.05.2019
Curso de Medicina da Unifimes realiza atendimento para a população nesta quarta-feira
Jornal do Meio Dia - 13.05.2019
Festival "A Voz do Estudante" será promovido neste fim de semana em Mineiros
Anterior Proximo